Homem escapa de atentado mas depois é executado a tiros dentro de ambulância

Um homem de nacionalidade paraguaia identificado como Victoriano Ortellado Villalba, de 54 anos, foi executado a tiros dentro de uma ambulância na tarde deste sábado (12) na rotatória Laguna Pakova, no departamento de Canindeyú. O departamento, que é um estado no Paraguai, fica na fronteira com Mato Grosso do Sul.

Ortellado Villalba já havia sofrido um ataque em sua residência localizada em Itanará, durante a noite desta quinta-feira. A cidade de Itanará fica a aproximadamente 40 quilômetros em linha reta de MS, na região de Paranhos. Diretor da Polícia de Canindeyú, Rubén Llanes, disse ao site Última Hora que ele foi atingido com vários tiros de nove milímetros.

Ele estava sendo transferido do Hospital Curuguaty para outro centro de atendimento em Assunção, devido à complexidade dos ferimentos que sofreu no primeiro ataque.

Após o tiroteio, duas mulheres que estavam na ambulância também ficaram feridas. Uma delas ficou em estado grave. O motorista da ambulância não sofreu ferimentos. As duas mulheres foram levadas ao Hospital Regional de Curuguaty, onde estão internadas.

“No momento, o processo está em andamento. A vítima fatal não tinha nenhum trabalho específico, era diarista”, disse vLlanes. O comissário salientou que é a primeira vez que esta situação ocorre. O homem não tem registro policial.

Midiamax

Siga nossa página no Instagram: instagram.com/plantaoregional

Siga nossa página no Facebook: fb.com/plantaoregionalms

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: