Atleta de Maracaju Ylka Maluf conquista vaga para Brasileiro de 2022.

No último sábado 11-06, data em que Maracaju comemorou seus 98 anos o esporte paralímpico esteve muito bem representado na “Seletiva Estadual” realizada em Campo Grande, capital do estado.

A Seletiva de Bocha MS/MT contou com nove atletas e classificou os atletas da classe BC3 (Masculino e Feminino) Hygor Rodrigues e sua mãe/operadora de rampa Egnônia e Ylka Maluf e sua mãe/operadora de rampa Margarete, para o Campeonato Brasileiro de Bocha de 2022.

“Venho aqui agradecer primeiramente Deus por mais uma benção em minha vida, meus familiares e amigos pela torcida e pelas orações. Conquistei ontem a vaga para o brasileiro 2022, fiquei em primeiro lugar da minha classe. Quero agradecer também a secretaria Municipal de Esporte de Maracaju.” Afirmou Ylka Maluf em postagem nas redes sociais.

Como é a bocha paralímpica?

O jogo consiste em um conjunto de seis bolas azuis, seis bolas vermelhas e uma bola branca (bola alvo). A quadra deverá ser lisa e plana como o piso de um ginásio em madeira ou sintético. A área é delimitada por linhas que possui uma dimensão de 12,5m x 6m.

Reportagem: Ben Hur Salomão Teixeira

Foto: Associação Campo-Grandense Paradesportiva Driblando as Diferenças – ADD

Siga nossa página no Instagram: instagram.com/plantaoregional

Siga nossa página no Facebook: fb.com/plantaoregionalms

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: