Mestre Sato entra para a história dos mestres de arte marcial

O retorno das atividades para o ano de 2022 da Confederação de Judô Kodokan e da Liga Confederada de Judô do Mato Grosso do Sul em Campo Grande teve início   dia 05 de janeiro.

A abertura aconteceu na sede da Associação Flor de Cerejeira uma das filiadas juntos a Liga, que tem o Sensei Romeu Saravy Chita Jr, que realiza um trabalho com autista.

Na ocasião da abertura dos trabalhos teve a sessão de autógrafos da 12ª edição do Livro dos Grandes Mestres de Artes Marciais que trás como destaque o mestre Noritoshi Sato 9° Dan. Nesta edição são destacados os mestres da América do Sul e Europa. Mestre Noritoshi Sato é considerado último samurai da primeira Geração Judocas graduado pelo Risie Kano Filho do criador judô (Mestre Jigoro Kano),

Foi o mestre que autografou os livros enviado aos filiados da LCJMS e CBJK.

Mestre também contou sua trajetória dentro do Judô nacional, e destacou companheiros de treinos e adversários de tatame como Uichiro Umakakeba de Bastos SP, Miguel Suganuma com quem dividiu ensinamentos no Dojo Don Pedro II fundada pelo Shihan Yoshio Kihara, hoje todos grandes amigos.

Mestre Sato fez questão de Agradeceu a  Liga Confedera de Judô MS, através Sensei Romeu Saravy e Sensei Cleber dos Santos Pereira,  que através deles ele retornou a prática da grande paixão de sua vida o Judô, ele também ajudou  idealizar e a Fundar a  Confederação Brasileira Judo Kodokan (CBJK).

De poucas palavras, mestre disse “ Um sonho que estava quase morto que renasce e me enche de vida, hoje me sinto realizado e dentro da historio do Judô, nada paga essa realização” Arigato gozaimasu.

 

Siga nossa página no Instagram: instagram.com/plantaoregional

Siga nossa página no Facebook: fb.com/plantaoregionalms

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: