Devolução do duodécimo ao Executivo,  passa dos 4 milhões de reais. 

No primeiro ano de gestão do vereador Robert Ziemann a frente da Presidência da Câmara Municipal de Maracaju, houve transparência aos gastos realizados e aquisições. Com a devolução do duodécimo ao Executivo não foi diferente, só em 2021 o valor passa dos 4 milhões de reais.

Fortalecendo ainda mais a parceria entre Executivo e Legislativo, os vereadores fizeram indicações na chamada “emenda impositiva”, indicando parte do Orçamento Municipal ao Executivo, o que deve repetir em 2022.

Os setores mais beneficiados foram educação, saúde, assistência social e habitação.

A educação recebeu playgrounds e ares condicionados para escolas e creches.

A saúde, recebeu um ambulância nova (semi UTI), a reforma de uma ambulância para atender o distrito de Vista Alegre e mais R$1500.000,00, para atender as demandas do hospital como, a compra de placas de energia solar, perfuração de poço artesiano, entre outros. O objetivo das aquisições dará ao hospital a economia de mais de 65 mil reais/mês entre conta de água e energia.

A habitação do município também foi contemplada com a devolução do duodécimo, recebendo em torno de R$ 800 mil para investimentos em programas habitacionais.

Para a Assistência social foi destinado R$ 45 mil para campanhas que foram realizadas ao longo do ano. E ainda será construído uma sede do Espaço Vida  para acolher crianças e adolescentes que  atualmente moram em uma casa alugada.

Todas as realizações se deve a parceria dos 13 vereadores, com o Executivo e o Governo do estado.

A administração do Presidente Robert Ziemann segue para 2022 com os 5 Pilares de sua gestão: Inovação, Parceria, Acessibilidade, Transparência e Comunicação Ativa.

Siga nossa página no Instagram: instagram.com/plantaoregional

Siga nossa página no Facebook: fb.com/plantaoregionalms

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: