Antes de morrer na fronteira, homem participou de rodadas de drogas e bebidas

O homem assassinado com golpes de faca na madrugada desta terça-feira (9), em Ponta Porã, foi identificado pela Polícia Civil da cidade como Ramão Adeildo Martins da Silva Júnior, de 41 anos. Antes de morrer, ele teria participado de rodadas de drogas e bebidas.

O crime aconteceu em uma residência na rua Recife, nº 23, na Vila Aurea. Segundo informações da Polícia Civil de Ponta Porã, o suspeito pelo crime é um indivíduo conhecido como ‘Boquinha’. Ele foi visto por populares participando de uma festa regada a álcool e drogas com a vítima.

Uma guarnição do Corpo de Bombeiros de Ponta Porã foi acionada, mas quando os socorristas chegaram ao local, a vítima já estava morta, com uma perfuração na região do umbigo. Ramão Adeildo Martins da Silva Júnior era auxiliar de serviços gerais e contra ele existia um mandado de prisão em aberto.

Peritos da Polícia Civil e investigadores estiveram no local e o corpo foi liberado e encaminhado para o IML (Instituto Médico Legal) de Ponta Porã. A polícia de Ponta Porã intensificou as buscas pelo suspeito.

Siga nossa página no Instagram: instagram.com/plantaoregional

Siga nossa página no Facebook: fb.com/plantaoregionalms

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: