Bandido flagrado com 12 fuzis em março é preso de novo, agora com cocaína

Jonh Ribeiro dos Santos, 33, flagrado no início de março deste ano com arsenal avaliado em quase R$ 1 milhão, voltou a ser preso hoje (29), menos de oito meses depois. Apontado como integrante da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital), ele estava em liberdade provisória.

Por volta de 13h30 desta sexta-feira, ele foi preso por policiais rodoviários federais na BR-463, município de Ponta Porã, na fronteira com o Paraguai, transportando 40 quilos de cocaína em uma caminhonete S10.

Os policiais faziam barreira na estrada – principal rota de drogas e armas que entram em território paraguaio vindas do Paraguai – quando interceptaram a caminhonete conduzida por Jonh dos Santos.

Ao checarem o nome do condutor, os PRFs descobriram que ele tinha sido preso com o arsenal na madrugada de 3 de março na BR-267, em Bataguassu. Durante vistoria na S10, localizaram o fundo falso onde estavam os tabletes de cocaína. Ele disse que estava trazendo a droga até Dourados, onde mora.

Armamento – Em março deste ano, Jonh Ribeiro dos Santos, que é natural do Piauí, foi preso conduzindo uma Dodge Journey com placa de Dourados transportando 12 fuzis, duas pistolas, 24 carregadores e 1.381 munições de calibres variados.

As armas e munições estavam em vários compartimentos secretos da SUV. Além dos 12 fuzis calibres 7,62mm e 5,56mm e as duas pistolas 9 milímetros, ele levava 22 carregadores e 1.381 munições de calibres 380, 5,56 e 7,62. Mesmo preso com arsenal, Jonh foi solto pela por decisão da Justiça.

Campo Grande News

Siga nossa página no Instagram: instagram.com/plantaoregional

Siga nossa página no Facebook: fb.com/plantaoregionalms

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: