Estado bate recorde em abertura de empresas no 1º quadrimestre de 2021

Nos quatro primeiros meses de 2021 a Jucems (Junta Comercial do Estado) registrou a abertura de 3.088 novas empresas em Mato Grosso do Sul. O dato bateu o recorde registrado em 2013, quando foram abertas 2.674 empresas.

O resultado de 2021 é 13,8% melhor do que o recorde anterior. Já no comparativo com o mesmo período do ano passado, o crescimento da abertura de empresas é de 30%. Entre janeiro e abril 2020, foram abertas 2.361 empresas no Estado.

Destacaram-se os setores de serviços e comércio. Só o setor de serviços representou 1.981 novos negócios no mercado, o equivalente a 64,09% do total do primeiro quadrimestre. Já o setor de comércio foi responsável pela abertura de 966 empresas (31,25%). Outras 144 empresas do setor industrial também foram abertas.

 “A pandemia foi um período de perdas para alguns setores, mas de oportunidade para outros. Com o aquecimento do mercado óptico, expandimos o negócio e abrimos a primeira franquia da Oculum em Campo Grande. Pesquisas de mercado que fizemos apontaram que a cidade tinha espaço para o nosso negócio e, assim, desembarcamos no Estado”, afirmou o sócio da nova empresa aberta na Capital, Igor Revoredo.

O empreendimento contou com investimento de cerca de R$ 2 milhões e nos primeiros 20 dias de operação, as vendas foram 20% maiores do que o esperado pelos sócios. “Com o uso intenso de telas a demanda pelas óticas também tem aumentado. Agora, é a hora de apostarmos nos diferenciais, como atendimento personalizado e pós-venda”, lembra Revoredo.

Os dados da Jucems apontam que os municípios que mais atraíram investimentos no primeiro quadrimestre do ano foram Campo Grande, com 120 novas empresas (38,34%), seguido de Dourados (9,9%), Três Lagoas (8,31%), Maracaju (2,88%) e Ponta Porã (2,56%).

Campo Grande News

Siga nossa página no Instagram: instagram.com/plantaoregional

Siga nossa página no Facebook: fb.com/plantaoregionalms

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: