anuncio
Rio Brilhante vai seguir decreto de MS, mas prefeito diz que Prosseguir deveria ter começado antes

O prefeito de Rio Brilhante, Lucas Foroni (MDB), anunciou nesta quinta-feira (25) que o município do sul de Mato Grosso do Sul, vai seguir o novo decreto do Governo do Estado ampliando as restrições para minimizar o avanço da pandemia de Covid-19, mas não vai adotar medidas extras. Durante transmissão ao vivo na rede social Facebook, o emedebista frisou que está impedido de relaxar as restrições localmente.

Na quarta-feira (24), o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) assinou decreto limitando a prestação de serviços a partir de sexta-feira (26) durante dez dias. A lista de serviços essenciais do Prosseguir (Programa de Saúde e Segurança da Economia) foi reduzida de 63 para 45 atividades.

Foroni criticou a adoção de restrições rígidas tardiamente. “O Prosseguir devia ter começado três ou quatro meses antes. Faltou pulso firme antes. Hoje, Rio Brilhante está com bandeira amarela, uma das três únicas nessa situação. Cidades estão pagando pela irresponsabilidade de outras gestões e das pessoas que se aglomeram”, afirmou.

O Prosseguir foi implantado em junho de 2020, mas o governo só passou a exigir o cumprimento das prefeituras em março deste ano. Com classificação por bandeiras, o programa recomenda funcionamento de serviços conforme o grau de risco de contaminação.

Restrições
Com quatro cidades com risco extremo de transmissão do novo coronavírus, superlotação de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e quase 200 pacientes aguardando vagas, o governo ampliou as restrições após ouvir os prefeitos dos 79 municípios.

Assim, passam a ser permitidas apenas atividades consideradas como essenciais e elencadas no decreto para funcionamento de 26 de março a 4 de abril. Além disso, o toque de recolher foi mantido das 20h às 5h em todo o Estado.

Aos finais de semana, sábado e domingo, foi mantida a restrição de circulação e funcionamento de estabelecimentos das 16h às 5h. Algumas atividades, como farmácias, hipermercados e outros podem funcionar após os horários de toque de recolher.

Siga nossa página no Instagram: instagram.com/plantaoregional

Siga nossa página no Facebook: fb.com/plantaoregionalms

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: