anuncio
Conselho vota hoje venda de ativo da Petrobras por R$ 1,65 bilhão

O presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, articula-se para que o conselho da estatal aprove nesta quarta-feira, 24, a venda da refinaria Landulpho Alves (RLAM), localizada na Bahia. O ativo deve ser repassado ao fundo de investimento árabe Mubadala por R$ 1,65 bilhão. A RLAM é a primeira, de um grupo de oito refinarias, a ser desestatizada. A negociação vai ajudar a manter os preços dos combustíveis alinhados aos do mercado internacional, conforme a diretoria da empresa brasileira. É a última tratativa feita por Castello, que deixará a companhia pública em 12 de abril — ele será substituído pelo general Joaquim Silva e Luna, nome já aprovado pelo comitê da petroleira. Enquanto segue na liderança da Petrobras, Castello mantém as diretrizes que darão fim ao monopólio da estatal no refino, sobretudo nas regiões Norte, Nordeste e Sul do país.

 

Revista Oeste

Siga nossa página no Instagram: instagram.com/plantaoregional

Siga nossa página no Facebook: fb.com/plantaoregionalms

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: