MS tem mais de 700 notificações de dengue em uma semana e dois novos óbitos

Boletim epidemiológico divulgado pela SES (Secretaria de Estado de Saúde) mostra que os casos suspeitos de dengue continuam a subir em Mato Grosso do Sul e já ultrapassam 4 mil, em 2021. O levantamento divulgado nesta quarta-feira (10) revela que o Estado tem 4.286 notificações da doença em 69 das 79 cidades.

Os dados são divulgados semanalmente e no comparativo com o boletim de 3 de março, que indicava 3.567 casos notificados, o aumento foi de 719 notificações.

Os confirmados também tiveram aumento no mesmo período e passaram de 882 para 1.108, ou seja, 226 novos.

Três Lagoas está a frente no número de confirmações, com 334 casos, seguida de Corumbá, com 216, Rio Brilhante registra 140 e Campo Grande 119.

Dourados figura com 15 confirmados e 24 notificados, considerado com baixa incidência. Porém, no município, já ocorreu um óbito pela doença, sendo de um homem de 66 anos, ocorrido no dia 29 de janeiro.

Mais mortes

O boletim atual divulga mais duas mortes por dengue em MS. Uma destas foi registrada em Corumbá, sendo uma mulher de 29 anos. Como comorbidades, é citado que ela possuía doenças auto imunes.

O outro óbito ocorreu em Campo Grande, datado no dia 28 de fevereiro. Trata-se de uma mulher, de 69 anos, que possuía diabetes e hipertensão (comorbidades).

Alta incidência 

São consideradas cidades com alta incidência da doença, -quando o número de casos ultrapassa 300 a cada 100 mil habitantes-: Antônio João, Camapuã, Ladário, Corumbá, Selvíria, Bataguassu, Paraíso das Águas, Três Lagoas, Rio Brilhante, Santa Rita do Pardo, Figueirão. Esses são os municípios com mais casos notificados.

Dourados News

Siga nossa página no Instagram: instagram.com/plantaoregional

Siga nossa página no Facebook: fb.com/plantaoregionalms

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: