Na quarta alta do ano, reajuste da gasolina chega a 34,7%

A Petrobras anunciou mais um reajuste nos valores da gasolina e do diesel para esta sexta-feira (19). Este é o quarto aumento da gasolina do ano, com isso o preço do combustível já acumula alta de 34,7% no segundo mês de 2021.

O novo reajuste, também válido para as refinarias, é de 10,2% fazendo o preço médio do litro da gasolina subir para R$ 2,48 e não será necessariamente acompanhado na mesma proporção ns bombas, já que existem vários fatores como tributos que influenciam no preço final. As informações são do jornal O Globo.

Segundo o presidente da Applic (Associação de Parceiros de Aplicativos de Transporte de Passageiros e Motoristas Autônomos de Mato Grosso do Sul), Paulo Cesar Teodoro Pinheiro, para quem trabalha com aplicativo de carona, os quatro aumentos pesam muito no orçamento.

“Se continuar assim não restará outra alternativa a não ser protesto. A questão em si para nós é a carga tributária do Estado que sem dúvidas está entre as cinco mais altas do País”, disse Paulo.

 Para ele se somar ainda a alta dos combustíveis com os outros riscos que envolvem a categoria no transito muitos motoristas não vão suportar.

“Muitos não vão ter condições de arcar com os compromissos diários e não vão conseguir levar o sustento para casa. E isso ainda vai atingir a população que deixará de ter um serviço de qualidade”, declarou o presidente da associação.

Campo Grande News

Siga nossa página no Instagram: instagram.com/plantaoregional

Siga nossa página no Facebook: fb.com/plantaoregionalms

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: