Homens são torturados até a morte e ‘empacotados’ na fronteira

Dois homens, ainda não identificados, foram encontrados mortos na tarde desta segunda-feira (15), em uma estrada vicinal do Assentamento Santa Catarina, a cerca de 40 quilômetros de Aral Moreira.

Há indícios de que os homens teriam sido torturados até a morte. Um deles tinha até um saco preto na cabeça. Os corpos das vítimas foram enrolados com lona preta e cobertores, e em seguida amarrados “como se fosse um pacote”, conforme o boletim de ocorrência sobre o caso.

Imagem do local também mostra a situação em que os corpos foram encontrados ao lado de uma plantação de soja, próximo da região conhecida como “3 Placas”. Policiais civis e militares estiveram no local.

Como não havia nenhum documento que permitisse a identificação dos homens, eles foram encaminhados para a Capela Mortuária de Ponta Porã, onde fica o IML (Instituto Médico Legal) da cidade.

Siga nossa página no Instagram: instagram.com/plantaoregional

Siga nossa página no Facebook: fb.com/plantaoregionalms

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: