Morto em confronto com a polícia, assaltante tinha ficha criminal extensa

Theilor Tiago Sixtro Ferreira de 20 anos morto na madrugada desta terça-feira (9) durante confronto com policiais do Batalhão de Choque após realizar assalto a um carro, tinha várias passagens pela polícia, inclusive desde quando era adolescente.

Conforme apurado, a primeira passagem de Theilor pela polícia foi em 2018.  O rapaz ainda foi preso por tráfico de drogas e tinha outros registros de furtos, roubos, porte de drogas e por dirigir sem CNH.

Ainda durante a madrugada a polícia prendeu Aleff Fernandes Castro Martins de 27 anos  e Alison Teixeira da Silva de 24 anos.

O carro do motorista de aplicativo foi encontrado numa casa localizada na Rua Paulo Ubiratan, no Bairro Paulo Coelho Machado. No local, possivelmente usado apenas para esconder o veículo, a polícia encontrou documentos de Alison. Em diligencias, na casa de Alison no Bairro Moreninhas, o mesmo confessou a participação no crime e entregou os comparsas.

Na casa de Aleff, o mesmo foi preso. Theilor tentou fugir pulando os muros de residências vizinhas e posteriormente se escondeu em meio a uma vegetação investindo contra a equipe policial, momento em que foi atingido.

A polícia ainda procura um quarto integrante do grupo.

Caso –  Ainda segundo o relato da vítima, a motorista seguia em baixa velocidade, por volta das 23h, quando o Gol apareceu e emparelhou. Dois bandidos, o motorista e um passageiro, desceram, um deles armado, e obrigaram o motorista a parar. “Desce do carro, desce do carro”, disseram os assaltantes, narrou a vítima em boletim de ocorrência. O motorista não reagiu e ficou sem o carro, um Ford Ka sedan prata, a carteira e o celular. Assim que conseguiu avisar a polícia, começou a “caça” aos bandidos pela cidade.

O carro do motorista de aplicativo foi encontrado numa casa localizada na Rua Paulo Ubiratan, no Bairro Paulo Coelho Machado, na região sul (saída para São Paulo) da Capital. Segundo a equipe do Batalhão de Choque que localizou o veículo, o imóvel tem aspecto de abandonado e estava com os portões abertos. A suspeita era, portanto, de que o local havia sido usado só para esconder o carro roubado.

O confronto – Ainda em rondas, policiais encontraram três suspeitos a cerca de três quadras do local onde o veículo foi localizado. Um dos criminosos tentou fugir e disparou contra os policiais. Houve confronto e Theilor Tiago Sixtro Ferreira, 20 anos, foi baleado.

Segundo o Choque, o rapaz foi socorrido até a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) das Moreninhas, mas ele não resistiu. Conforme apurou Campo Grande News, o suspeito levou dois tiros no tórax.

A polícia ainda está atrás de um quarto autor. O Gol G4, usado no roubo, também não foi localizado. O veículo da vítima foi levado para o pátio da Defurv (Delegacia Especializada em Furtos e Roubos de Veículos).

Campo Grande News

Siga nossa página no Instagram: instagram.com/plantaoregional

Siga nossa página no Facebook: fb.com/plantaoregionalms

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: