anuncio
Governo antecipa repasse de R$ 2,6 milhões para evitar greve na Santa Casa

Para evitar greve, a SES (A Secretaria de Estado de Saúde) antecipou repasse de R$ 2,6 milhões para a Santa Casa, nesta quarta-feira. Os funcionários decidiram na manhã de hoje pela paralisação alegando atraso no pagamento da folha de dezembro, além de falta de depósito do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço), desde 2018.

O secretário de Saúde, Geraldo Resende, explicou que o pagamento foi antecipado pagar o salário da equipe médica. “Estamos com os repasses em dia com a Santa Casa. Antecipamos o pagamento para que paguem os salários e a greve seja evitada”, destacou Resende.

Foram repassados R$ 2,6 milhões para o Fundo Municipal de Saúde de Campo Grande, para que o município repasse o montante pactuado para a instituição.

Em dezembro do ano passado, a direção da Santa Casa assinou compromisso com a secretaria para o pagamento da folha de pagamento dos funcionários do Hospital.

Durante ato na sede do Sinmed (Sindicato dos Médicos de Mato Grosso do Sul), o superintendente da Santa Casa, Luiz Alberto Nakamura, assinou termo de compromisso que os R$ 11 milhões repassados pela Secretaria de Estado de Saúde seriam usados R$ 5,5 milhões para salários e R$ 5,5 milhões para parte do 13º salário.

A secretaria também intermediou com ajuda do município de Campo Grande e da bancada federal o repasse de R$ 22,8 milhões junto ao Ministério da Saúde para a Santa Casa, em parcela única, para custeio ao enfrentamento à pandemia do coronavírus.

A Santa Casa afirmou que, com o repasse dos valores referentes ao contrato com o Estado, foram quitados os salários de janeiro que estavam em aberto, com exceção dos valores devidos aos médicos.

A previsão de pagamento desta categoria é para o período da tarde, após o recebimento dos recursos contratuais que estão sendo encaminhados pela prefeitura de Campo Grande.

Campo Grande News.

Siga nossa página no Instagram: instagram.com/plantaoregional

Siga nossa página no Facebook: fb.com/plantaoregionalms

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: